Pátria armada: criança encontra arma, atira contra a cabeça e morre

O caso aconteceu na confraternização na quadra da escola de samba Tradução de Ouro, em Santo André, no ABC Paulista.

A criança de 4 anos encontrou uma pistola pertencente a um representante da escola. E atirou na própria cabeça.

Ao ouvirem o tiro, os participantes da confraternização correram na direção do som do disparo. E encontraram a criança no chão, numa poça de sangue.

Levada à UPA Bangu e em seguida ao hospital Mario Covas, ela morreu neste último.

O registro da arma estava vencido desde abril do ano passado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *