Covid-19: crianças na escola é nova obsessão de Bolsonaro

Chegamos ao limite do que sustenta razão e loucura. Agora o governo brasileiro quer abrir as escolas do país na marra, expondo nossas crianças ao contágio para se tornarem elementos de contágio.

Anunciando um fundo “especial” para escolas comprarem álcool em gel, água sanitária e papel toalha, emparelhando os riscos do Covid-19 a uma gripe comum, evitável com ações básicas de higiene, investe na sedução de um país perturbado por fake news presidenciais.

Mas são as nossas vidas que estão em jogo. As vidas das famílias brasileiras!

Nos recusamos a acatar os discursos de banalização da vida. E nossas crianças precisarão ser defendidas desta política de morte. Sobreviver ao coronavírus e aos atos políticos de Bolsonaro é nossa desobediência civil da hora.

Pela vida, mantenhamos o isolamento social da família!

Deixe uma resposta