Brasil tem aulas suspensas e Governo Bolsonaro sem planos no MEC para avaliar estudantes

As aulas no Brasil estão suspensas desde março. E até hoje, o Governo Federal não definiu regras sobre como avaliar o conhecimento dos estudantes durante e depois da pandemia.

O mais recente relatório da Comissão Externa da Câmara dos Deputados mostra que “até julho de 2020, nenhuma medida havia sido tomada pelo governo federal no sentido de promover a educação do campo, de povos indígenas, quilombolas ou a educação inclusive durante a vigência das políticas de isolamento social”.

O MEC anunciou corte de 18,2% com despesas não-obrigatórias em 2021. São R$ 4,2 bilhões a menos. As universidades federais terão corte de R$ 1 bilhão. As medidas só valem depois da aprovação do Congresso. Segundo a Consultoria iDados, 40% dos jovens entre 22 e 25 anos com ensino superior não têm emprego qualificado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *