Famílias fogem de bairro de Salvador após aumento desenfreado da violência

No bairro do Alto das Pombas, situado em Salvador, Bahia, os residentes estão enfrentando um aumento preocupante da violência, que também se estende ao bairro vizinho, o Calabar. Na última segunda-feira (4/8), a TV Bahia registrou imagens do momento em que famílias deixavam a região após intensos tiroteios, mortes e até mesmo casos de sequestro.

A operação realizada pela Polícia Militar na área obteve sucesso, resultando na apreensão de seis fuzis, oito pistolas e três granadas. Além disso, oito pessoas foram presas e sete indivíduos foram mortos durante a ação.

Nesta segunda-feira (4), a Polícia Militar conduziu uma operação conjunta nos bairros do Calabar e Alto das Pombas. Felizmente, todos os reféns foram libertados ao final da ação.

No total, quatro residências foram invadidas, mas, após negociação entre a Polícia Militar e os traficantes, os reféns foram soltos. No dia anterior, um grupo composto por aproximadamente 40 homens fortemente armados invadiu o bairro do Calabar. Esse ato criminoso ocorreu durante o dia, causando ainda mais espanto entre os moradores da região.

Hoje pela manhã, o policiamento na área foi intensificado. Relatórios indicam que ocorreram confrontos durante a madrugada, e, como medida de precaução, os comerciantes do bairro decidiram não abrir seus estabelecimentos no início desta semana.

A Universidade Federal da Bahia (UFBA) emitiu uma nota recomendando a suspensão das aulas e atividades administrativas nos campi de Ondina, Canela, São Lázaro e Federação, visando à proteção da segurança dos estudantes na capital baiana.

ÚLTIMAS

.