BLOG

Renan Calheiros: JHC e Rodrigo Cunha estão desgovernando Maceió

O senador Renan Calheiros (MDB) abriu o verbo quando questionado pelo blog sobre o desempenho do prefeito JHC (PSB) à frente da administração da capital. As declarações foram dadas na quinta-feira, durante o Governo Presente, na cidade de Porto Calvo.

Sobre JHC? Disse que o pai dele, João Caldas, é quem manda na administração.

Citou o senador Rodrigo Cunha (PSDB): “tosco, despreparado” e junto ao prefeito forma uma dupla para o desgoverno da capital.

Mas, por que falar de Rodrigo Cunha? O tucano se movimenta para disputar o Governo. Pesquisas em todos os partidos mostram que ele está à frente de nomes da administração estadual como Alfredo Gaspar de Mendonça, secretário de Segurança Pública e candidato derrotado à Prefeitura de Maceió ano passado.

Mais abaixo detalhamos as declarações do senador que está no auge da popularidade, após a conclusão dos trabalhos da CPI da Covid, onde ele foi o relator.

Mas, antes, vamos situar: naquela quinta-feira, um problema no abastecimento deixou bairros em Maceió sem água. JHC foi para as redes sociais. Atacou o Governo e a BRK.

Esse é um contexto político nervoso: Jota, através do PSB Nacional, e o governador Renan Filho (MDB) brigam no STF pelo dinheiro da outorga do saneamento básico via BRK para os cofres do Estado, resultado do leilão de serviços da Casal. O ministro Edson Fachin deu ganho de causa ao prefeito: determinou que 50% do valor (R$ 1 bilhão) seja bloqueado, até a decisão de mérito.

Em dezembro, haverá o segundo leilão de serviços da estatal alagoana. E se o primeiro está judicializado é claro que a imagem do segundo fica estremecida no mundo dos negociantes e dos negócios. E estamos falando de um negócio bilionário.

Voltando ao senador Renan Calheiros

Ele disse que o prefeito tem “desafio muito grande, ser um bom prefeito de Maceió”. Ele prometeu mas não consegue entregar; que a cidade está impaciente.

Mas Rodrigo Cunha foi o pandeiro do senador medebista.

Veja a declaração completa do senador Renan. E o leitor tire as suas próprias conclusões:

“Eu acho que o prefeito JHC está diante de um desafio muito grande: ser um bom prefeito de Maceió. Eu tenho andado muito na cidade, as pessoas estão cobrando o desempenho mínimo da sua administração. Ele não está conseguindo entregar o que ele prometeu, então fica tentando criar fatos. Administrativamente ele já colocou à frente das coisas da prefeitura o seu pai, João Caldas. Quer dizer, ele fica se preocupando com desempenho do Governo de Alagoas, a cidade está impaciente, está começando a cobrar efetividade da sua administração tanto dele quanto do senador Rodrigo Cunha, que tem sido uma decepção no Senado Federal: tosco, despreparado, não tem efetivamente compromisso nenhum com a defesa dos interesses do Estado de Alagoas, dos interesses públicos em geral. Eles fazem uma grande dupla pelo desgoverno que está sendo levado a cabo na Prefeitura de Maceió”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SOBRE O AUTOR