PC investiga como homicídio morte de professora após cirurgia plástica

A polícia civil de Santa Catarina investiga como homicídio culposo – sem intenção de matar- a morte da professora Roberta Lopes dos Passos, de 35 anos, após uma cirurgia plástica. As informações são do G1.

Ela morreu no dia 24 após complicações. A família havia denunciado o hospital da Grande Florianópolis à polícia um dia antes da morte de Roberta.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *