Paulo Guedes: Trabalhadores podem ter corte de até 25% nos salários; ‘perde um pouquinho’

Trabalhadores impedidos de executar suas funções por causa dos riscos de contaminação com o coronavírus poderão receber até 75% dos salários, disse o ministro da Economia, Paulo Guedes, ao Estadão.

Com isso, ficam com menos 25%.

A estratégia de Guedes: as empresas pagam metade do salário (50%); o Governo entra com suplementação (25%) e o trabalhador aceita o corte “e todo mundo perde um pouquinho”

Deixe uma resposta