Morre tenente da PM que se afogou durante curso no DF

O 1º tenente da Polícia Militar de Alagoas, Abraão da Silva Taveira, de 39 anos, morreu após se afogar durante um curso de instrução em cinotecnia, administrado pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), em 30 de agosto.

Ele estava internado no Hospital de Base de Brasília em estado gravíssimo desde então.

O militar estava dentro de manilhas usadas para exercício aquático dentro da Academia do Corpo de Bombeiros. O percurso conta com um túnel com manilhas, com trechos encharcados com água, mas não teria conseguido sair da parte alagada antes de desmaiar.

Taveira era experiente e fez o curso da tropa de choque da Polícia Militar de Alagoas. À época, em nota conjunta, a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros Militar do DF confirmam que o afogamento ocorreu durante instrução realizada no Centro de Treinamento Operacional do Corpo de Bombeiros.

Em nota, o Bope Alagoas lamentou a morte.

É com profundo pesar que lamentamos a trágica perda do 1º Tenente Taveira, Comandante do Canil do Bope de Alagoas. Sua partida prematura, durante a busca pelo aprimoramento profissional no Curso Operacional de Cinotecnia na PMDF, deixa um vazio inestimável em nossos corações e na comunidade policial”.

.