Maceió e Região Metropolitana precisam de solução de fluxo contínuo para o trânsito, afirma diretor-presidente do Detran

João Victor Barroso e Luciana Buarque / Ascom Detran

A construção urgente de um planejamento estratégico para a mobilidade urbana na Grande Maceió, que jogue um olhar amplo sobre os problemas locais e considere as necessidades de todos os atores envolvidos, foi defendida pelo diretor-presidente do Detran, Marco Fireman, no Gazeta Summit Mobilidade, na segunda-feira (17), em Maceió.

O gestor participou do painel sobre mobilidade na Região Metropolitana de Maceió, que discutiu soluções para os desafios à locomoção da capital e das 12 cidades do entorno.

Fireman destacou que, embora algumas intervenções de curto prazo amenizem problemas específicos no trânsito, as soluções não podem ser pontuais e isoladas. “O trânsito e a mobilidade precisam ser vistos de forma sistêmica. Essa é uma pauta que tem que ser tratada de forma integrada entre os Municípios e o Estado, em um trabalho conjunto que resulte em um plano estratégico. Precisamos de solução de fluxo contínuo para o trânsito, de uma melhor estrutura de transporte urbano e ações que reduzam o nível de saturação de veículos em Maceió e na Região Metropolitana”, afirmou.

Para o diretor-presidente do Detran, é preciso enxergar o futuro, pensando em soluções de longo prazo. E uma das principais passa pelo transporte público: “É necessário investir em transportes públicos mais eficientes e de qualidade, como o BRT [ônibus de trânsito rápido], que é tão eficiente quanto o VLT e muito mais econômico. Se a gente não tiver urgência em implementar transporte público com qualidade em Maceió – com estação de transbordo, menos tempo possível dentro desses transportes e sendo retroalimentados por sistemas paralelos – para que tenhamos uma eficiência maior de deslocamento, a gente só vai proliferar ainda mais a epidemia de motocicletas”, ressaltou.

Com presença das principais autoridades de trânsito nacionais e locais, o Gazeta Summit Mobilidade aconteceu no Hotel Ritz Lagoa da Anta, em Maceió.

O Detran esteve presente em dois painéis: “Região Metropolitana – mobilidade nas cidades do futuro” e “Mobilidade e segurança viária: do global ao local”. No primeiro, estiveram junto ao diretor-presidente do Detran o prefeito de Marechal Deodoro, Cacau; o prefeito de Pilar, Renato Filho; a deputada estadual Gabriela Gonçalves; e André Costa, diretor-presidente do Departamento Municipal de Transportes e Trânsito (DMTT) de Maceió.

No segundo painel, Renan Silva, chefe de Segurança de Trânsito do Detran, e Antonio Monteiro, subchefe de Engenharia de Trânsito do Detran, falaram sobre ações para reduzir os sinistros e óbitos no trânsito a partir da perspectiva global de mobilidade urbana. Também participaram do painel Adrualdo Catão, secretário Nacional de Trânsito, e Marcel Cabral, representante do Detran do Paraná.

ÚLTIMAS

.