Covid-19: Food trucks funcionam na 2a área com mais contaminados de Maceió

O bairro da Ponta Verde é a 2a área com mais pessoas contaminadas pelo covid-19 em Maceió. São 180 casos, pelos dados da Secretaria Estadual de Saúde. O primeiro é o Jacintinho, com 182.

Um amigo médico me fez um alerta: os food trucks da Ponta Verde não deveriam estar funcionando, pelo risco de disseminar o vírus pela comida, mesmo com todos os trabalhadores adotando cuidados com a higienização dos produtos.

O que se sabe até agora: não há temperatura ambiente capaz de destruir o vírus, que pode penetrar o alimento após ele ser cozido. E, lembrando: na área com uma alta taxa de pessoas contaminadas.

E o vírus tem o seu caminho: os portadores assintomáticos transmitem a doença, mesmo sem sentir os sintomas (ou nem saberem que estão contaminados).

Alguém garante que o funcionário, mesmo com máscara, que está no food truck não está com o vírus? Eis a questão.

Some-se a isso: o coronavírus pode sobreviver até 3 dias em plásticos, além de poder ser transmitido pelos elevadores- incluindo os tapetes que todos pisam, destes aparelhos e tapetes nas portas das casas.

Deixe uma resposta