BLOG

Cortes no orçamento da UFAL mostram que caçada à ciência será mais intensa em 2020

Cortes no orçamento da UFAL preocupam novo reitor

Josealdo Tonholo, novo reitor da Ufal, recebeu o aviso: a Lei Orçamentária Anual deste ano traz um carimbo do Ministério da Economia, com uma margem “sob supervisão” a ser (se for) executada para 2020.

Significa que o dinheiro estará ainda mais curto para a universidade alagoana. E dependerá do beneplácito de Brasília.

Tonholo chamou a imprensa para esta quarta-feira. Objetivo é abrir os números da universidade.

A era Bolsonaro seguirá na caça aos difusores do conhecimento científico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SOBRE O AUTOR