Com aumento de internações, Alagoas usa polícia para coibir festas de carnaval

A Secretaria de Segurança Pública terá operações de surpresa nas cidades para coibir festas particulares de carnaval. As operações serão comandadas pelo secretário Alfredo Gaspar de Mendonça.

A medida foi anunciada pelo governador Renan Filho:

“Vamos fazer fiscalização maior nas cidades em que [tradicionalmente] há mais eventos”, explicou o governador.

Segundo o Governo, houve aumento da taxa de ocupação de leitos exclusivos para Covid-19.

O índice subiu 12% em dez dias – passando de 43% no dia 1º de fevereiro para 55% na última quarta-feira (10) – e ligou o sinal de alerta. “O aumento se deve à alta contaminação de jovens durante o mês de dezembro. Eles levaram o vírus para a sua residência, infectando os grupos mais vulneráveis”, apontou Alexandre Ayres, secretário Estadual de Saúde.

“Está havendo segunda onda em Alagoas”, afirmou Renan Filho, que determinou a abertura de 130 novos leitos exclusivos para Covid-19, sendo 30 de UTI. “A ampliação é para manter a taxa de ocupação abaixo dos 60%. Alagoas tem se destacado em todo o Brasil pela capacidade de atender à população. Para isso, a gente também precisa que as pessoas colaborem, com as medidas de distanciamento, lavar as mãos com água e sabão ou álcool 70% e o uso de máscaras ao sair de casa”, reiterou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *