BLOG

Collor usa fórmula de Arnon de Mello em Luciano Barbosa

Quem conheceu Arnon de Mello dizia: se o Papa morresse e ele, Arnon, não gostasse do Papa, ninguém em Alagoas saberia da morte do líder da Igreja Católica.

Ou seja: a morte não sairia nas páginas da Gazeta de Alagoas.

Fernando Collor usa a fórmula de Arnon, mas contra Luciano Barbosa, prefeito de Arapiraca.

A união Luciano e Renan Filho é ignorada pelo senador.

Na campanha, quando Luciano precisou virar o anti-Renan para vencer as eleições, Collor buscou no então candidato um aliado poderoso. Seria alguém com capilaridade eleitoral no agreste.

O tempo, porém, cuida de aproximar Luciano e o governador.

E Collor segue com a fórmula anti-Renan.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SOBRE O AUTOR