Bombeiros abrem procedimento após sargento ser vacinada e criticar Bolsonaro

Após defender o SUS, a vacina contra a Covid-19 e escrever #EleNunca após ser vacinada e postar vídeo nas redes sociais, a sargento do Corpo de Bombeiros de Alagoas, Stephany da Silva Domingos, responde a processo administrativo disciplinar aberto pelo comandante do Corpo de Bombeiros, coronel André Alessandro Madeiro de Oliveira, eleitor de Jair Bolsonaro.

Motivo da transgressão, considerada grave, é que a manifestação pró-vacina foi feita nas dependências do Corpo de Bombeiros, após a sargento ser vacinada.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *