BLOG

Bolsonaro teve sorte: ele morreria logo e em casa, se fosse pobre

Cresceu o número de pessoas que morreu em casa, sem atendimento médico. Isso ocorreu pela ou conhecida falha do sistema (desigual) de saúde ou por medo destas pessoas mais pobres de se contrair o coronavirus, segundo a Folha de São Paulo.

Estes dados estão disponíveis apenas em São Paulo, Rio, Fortaleza e Manaus. O crescimento foi de 53%.

Locais mais pobres são os mais afetados. Porque há falha de planejamento e implementação de ações.

Nestas capitais- menos São Paulo- os sistemas de saúde colapsaram porque a pandemia encheu UTIs ou cemitérios.

Manaus registrou covas abertas com retroescavadeiras para o enterro de várias pessoas ao mesmo tempo.

Enquanto Jair Bolsonaro ignora a pandemia, reclama dos estados e municípios, normaliza a morte em condições tão cruéis, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio, chegou a apelar internacionalmente por ajuda.

Como resposta, foi duramente criticado por Bolsonaro.

O presidente, aliás, faz exames para atestar se está com Covid-19. Teve sorte: para pessoas como ele, as chances de morrer em casa e sem atendimento médico são mínimas.

Se ele fosse pobre, sintomas assim seriam tratados como “gripezinha”.

Uma resposta

  1. Temos q tira.lo do Governo logo ê um demónio esse homem de tão cruel q é / ñ faz nada pelo pivo q fez ele cresçer , é deboxado , falso mentiroso. Ñ gosta do próprio país , apelida e apedreja a Globo porq ñ quer o nome dele divulgado em relação aos erros cometidos/ infelizmente eu votei nesse clapula e como me arrependo. Nessa epioca de pamdemia luto n9 mundo essa homem vai de contra os priincipios fazendo o povo se aglomerar sem máscara isso sim é ser um verme/ isso sim é ser um mal caráter/ foraaaaaa ASSASSINO FORA BOLSONARO ANTIDEMOCRÁTICO E SUJO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SOBRE O AUTOR