Alagoas registra queda na mortalidade infantil, diz MS

Alagoas registrou queda de 12% na mortalidade infantil, segundo dados do Ministério da Saúde e divulgados pelo Governo. Foram 13,40 crianças mortas a cada…

Alagoas registrou queda de 12% na mortalidade infantil, segundo dados do Ministério da Saúde e divulgados pelo Governo. Foram 13,40 crianças mortas a cada mil nascidas vivas em 2017.

De acordo com os dados do Ministério da Saúde, em 2014, esse índice chegava a 15,04 mortes a cada mil nascidos vivos.

Em 2015, o número registrado foi de 14,65, passando para 13,97 em 2016 e 13,40 em 2017.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, a redução nas taxas de mortalidade é o reflexo de políticas públicas e investimentos feitos na área, ao lado de iniciativas como a instalação do Núcleo para a Primeira Infância, ampliação de leitos neonatais, aquisição de equipamentos e fortalecimento da Saúde nos municípios do interior do Estado por meio do repasse de recursos e qualificação de pessoal.

“Temos estimulado às mulheres a realizarem o pré-natal, criando a oferta de testes rápidos e, com isso, temos conseguido diminuir a transmissão vertical do vírus HIV. Estas medidas buscam garantir acolhimento e captação precoce da gestante, além de ampliar o acesso aos serviços de saúde e melhorar a qualidade do pré-natal”, afirmou Alessandra Viana, coordenadora do Núcleo da Saúde para a Primeira Infância da Sesau.

Com informações da Agência Alagoas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *