Preso, Celso Luiz continua a mandar no sertão e no Tribunal de Contas

Celso Luiz começa 2018 preso, mas ainda manda no sertão e no Tribunal de Contas Preso desde maio do ano passado em consequência das…

Celso Luiz começa 2018 preso, mas ainda manda no sertão e no Tribunal de Contas

Preso desde maio do ano passado em consequência das investigações da Operação Triângulo das Bermudas, o ex-prefeito de Canapi, Celso Luiz (PMDB), ainda manda no sertão de Alagoas e no Tribunal de Contas, onde a mulher, Cleide Beserra, é vice-presidente.

Mesmo acumulando derrotas na Justiça Federal, em busca da liberdade, Celso Luiz – através do filho, Luiz Pedro- prepara o retorno da família à Prefeitura de Mata Grande. Prefeito e vice- que eram da oposição celsista- estão afastados das funções por corrupção. Desobstruída, a ponte para o Executivo municipal via Luiz Pedro é questão de tempo.

Apontado pela Polícia Federal como um dos líderes da organização criminosa que desviou R$ 300 milhões em outra investigação, a da Operação Taturana, Celso Luiz quase foi eleito vice-governador em 2006, na chapa liderada pelo ex-deputado federal e usineiro falido João Lyra.

Venceu o então senador (também usineiro) Teotonio Vilela Filho, hoje pendurado na folha de investigados da Lava Jato.

É a vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *