Era Rui Palmeira oferece a pior educação pública do Brasil, diz estudo

A análise comparou os 100 maiores municípios brasileiros. Maceió está em último lugar.

A Prefeitura de Maceió oferece a pior educação do Brasil, nas escolas mantidas pelo município, segundo Índice dos Desafios da Gestão Municipal (IDGM) da Educação, desafios da Gestão Municipal 2018, da Macroplan.

O estudo foi divulgado nesta quarta-feira. A análise comparou os 100 maiores municípios brasileiros. Maceió está em último lugar.

Este índice analisa 15 indicadores distribuídos em quatro áreas, chamadas de críticas pela consultoria: educação, saúde, segurança pública, saneamento e sustentabilidade.

O IDGM Educação mais bem colocado no país é o da cidade de Piracicaba, em São Paulo (0,660); Maceió está com 0,345.

O índice varia de 0 a 1. Quanto mais próximo de 1, melhor o desempenho da cidade.

No IDGM Saúde, Maceió ocupa 87º lugar; em segurança, 85º; saneamento e sustentabilidade, 57º.

Os resultados são um problema na gestão do prefeito Rui Palmeira (PSDB), que apesar de não ser candidato nestas eleições, apoia o senador Fernando Collor (PTC) ao Governo.

One thought on “Era Rui Palmeira oferece a pior educação pública do Brasil, diz estudo

  1. Collor jamais terá meu voto nem se fosse pra vereador de Maceió político corrupto que nem ele Renan Calheiros Bil de Lira que se vendem pelo dinheiro e engana seus eleitores em todos os mandatos que assumiram esses caras eram pra estar pressões em penitenciárias de segurança máxima para eles pagarem o que fizeram ao povo alagoano e ao cofres públicos que são saqueados todos os dias por esses políticos ladrões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *