PC: Dono de construtora foi assassinado por empresário alagoano que estava no prejuízo

Cinco anos depois da morte do empresário Sérgio Falcão, a Polícia Civil de Pernambuco concluiu que ele foi assassinado a mando de um empresário…

Cinco anos depois da morte do empresário Sérgio Falcão, a Polícia Civil de Pernambuco concluiu que ele foi assassinado a mando de um empresário alagoano, que estava no prejuízo por causa da crise e das dívidas acumuladas da construtora.

O crime foi executado por Jailson Melo, militar reformado que era segurança de Sérgio Falcão. Para a PC, ele atirou na boca da vítima para simular um suicídio.

Os acusados não foram indiciados por faltar provas materiais do crime. Na roupa do PM, não havia pólvora- levando, na época, a perícia a descartar que ele tenha atirado no empresário, prevalecendo a tese de que ele se matou em seu apartamento, no bairro de Boa Viagem, em Recife.

Informações: Com agências

Deixe uma resposta