S. Ipanema: Vereadores deixam professores sem piso nacional após ‘enterro’ na Câmara

Castigo: Revoltados com gestão Isnaldo Bulhões, servidores fizeram enterro simbólico dos vereadores, que revidaram não aprovando piso garantindo por lei federal

Depois de um protesto de servidores que puseram caixões com fotos de vereadores aliados ao prefeito Isnaldo Bulhões, de Santana do Ipanema, os vereadores da cidade revidaram e decidiram não aprovar o pagamento do retroativo junto ao salário do mês de julho e garantir o pagamento do piso nacional a 50 professores.

O protesto foi no dia 6. Os professores cobravam 25% de reposição salarial ou, no mínimo, 12%; a Prefeitura concedeu 5%.

Os servidores se juntaram aos professores e decretaram greve geral. O Tribunal de Justiça decretou a ilegalidade da greve.

Na Câmara, os servidores puseram caixões com fotos dos vereadores governistas.

Roberto Urubu, da bancada do prefeito, chamou o protesto de “palhaçada” e disse que a atitude afetava “homens de bem”, referindo-se aos vereadores da base de Isnaldo Bulhões no legislativo municipal.

Ouça: WhatsApp Audio 2018-07-11 at 1.43.40 PM

One thought on “S. Ipanema: Vereadores deixam professores sem piso nacional após ‘enterro’ na Câmara

  1. Uma atitude extremamente covarde, demonstrando a incapacidade dessas pessoas em exercer cargos legislativos. Esquecem -se que eles são servidores do povo, e não o contrário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *