AL está próxima da autossuficiência na produção de milho, diz Governo

O Governo diz que Alagoas está próximo da autossuficiência na produção de milho. A meta é chegar a 100 mil toneladas. O consumo interno…

O Governo diz que Alagoas está próximo da autossuficiência na produção de milho. A meta é chegar a 100 mil toneladas. O consumo interno é de 25 mil

Só o Grupo Coringa, por exemplo, importa quase 84 mil toneladas de milho por ano, por falta de produção local suficiente. Já a Bacia Leiteira consome, aproximadamente, 55 mil toneladas de milho e quase 30 mil de soja.

Este ano, serão plantados 3.500 hectares de milho, 1.400 hectares de soja, 400 hectares de arroz, 90 hectares de algodão e 400 hectares de sorgo, segundo dados da Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária, Pesca e Aquicultura  (Seagri).

O Programa de Incentivo à Produção de Grãos em Alagoas traz duas novidades para esta safra. A primeira é que será feita a safrinha, ou seja, quando ocorrer a colheita de soja, inicia-se o plantio de feijão, favorecendo duas culturas no mesmo ano. A segunda é que a safra conta com grãos tecnificados, que elevam a produtividade.

“O objetivo desse projeto é integrar todos os parceiros para que a gente tenha uma grande safra, já que esse ano, graças a Deus, voltou a chover com maior regularidade em Alagoas. Estamos colaborando também com a agricultura familiar. Iniciamos um amplo programa de distribuição de sementes de milho, feijão e sorgo. Isso vai possibilitar que o pequeno proprietário possa plantar também”, acrescentou Renan Filho.

Com informações da Agência Alagoas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *