Praia sem Barreiras é lançado em Marechal Deodoro

Prazeroso, o banho de mar pode ser uma atividade acessível para a maioria, mas não para quem possui algum tipo de limitação da mobilidade….

Prazeroso, o banho de mar pode ser uma atividade acessível para a maioria, mas não para quem possui algum tipo de limitação da mobilidade. Com objetivo de garantir lazer à pessoa com deficiência, o Governo do Estado, através da Secretaria da Mulher e dos Direitos Humanos (Semudh), lançou, na manhã deste sábado (19), o projeto Praia sem Barreiras. A solenidade foi realizada no Francês, em Marechal Deodoro.

Por meio de cadeiras de roda especiais, projetadas para a praia, pessoas com deficiência participaram do banho de mar assistido, umas das atividades do projeto que incluem, ainda, a prática do vôlei sentado, jogo de bocha adaptado, xadrez em braile, dentre outras recreações. Cadeirante, Adriano Costa, 28 anos, aprovou a iniciativa.

“A gente tem muita dificuldade de se locomover e esse é um projeto essencial para as pessoas com deficiência. Trata-se de um passo muito importante para a evolução da igualdade social e do direito de ir e vir”, constatou Adriano.

Turista de Goiânia, Leopoldina Lima assistiu ao lançamento do Praia sem Barreiras e também elogiou o projeto.

“É uma oportunidade para as pessoas com deficiência integrarem a sociedade. É um lazer que todos têm direito e o Governo do Estado está de parabéns por essa iniciativa que eu acho muito válida”, afirmou a turista.

A secretária de Estado da Mulher e dos Direitos Humanos, Cláudia Simões, informou que, após o lançamento do projeto no Francês, o Praia sem Barreiras vai chegar a outros balneários turísticos de Alagoas, a exemplo da Barra de São Miguel e de Maragogi, no Litoral Norte do Estado.

“Esse Projeto tem a ver com a palavra de ordem da Secretaria da Mulher e dos Direitos Humanos, que é a inclusão. Hoje, aqui em Alagoas, 27,5% das pessoas têm algum tipo de deficiência, não só física. No Brasil, esse índice é de 24%, então estamos acima da média nacional. A importância desse projeto é porque garante dignidade às pessoas com deficiência física para que de forma independente possam ir à praia e ter direito ao lazer”, comentou a secretária. O governador em exercício, desembargador Otávio Praxedes, participou do lançamento do projeto Praia sem Barreiras. O presidente do Tribunal de Justiça (TJ) assumiu interinamente o Governo do Estado na quinta-feira (17) e fica à frente do Poder Executivo até 26 de maio, período em que o titular, Renan Filho, estará em férias.

“O evento já estava na programação do governador Renan Filho e ele me pediu para que eu externasse publicamente seus votos de respeito com relação ao trabalho que vem sendo desenvolvido pela Secretaria de Estado da Mulher e dos Direitos Humanos. Saio daqui com a certeza de que prestigiei o evento de maior significância que no exercício do cargo de governador já participei”, destacou Praxedes.

O projeto Praia sem Barreiras é promovido pela Semudh, através da Superintendência da Pessoa com Deficiência (PcD) e conta com o apoio da prefeitura de Marechal Deodoro, da Universidade Maurício de Nassau (Uninassau) e do Hotel Ponta Verde. O prefeito do município, Cláudio Filho, também prestigiou o evento e afirmou que todas as obras públicas obedecem à legislação que garante os direitos da pessoa com deficiência.

“Desde o início do nosso governo, visamos a inclusão das pessoas com deficiência na sociedade. A Secretaria de Estado da Mulher e dos Direitos Humanos nos procurou e conversamos, ainda no ano passado, sobre esse projeto, hoje colocado em prática aqui, que é a acessibilidade à praia de pessoas com deficiência. Trata-se do primeiro município alagoano a contar com esse projeto”, declarou Cláudio Filho.

Prestigiaram, ainda, a solenidade, a deputada federal Rosinha da Adefal, o deputado estadual Sérgio Toledo, a superintendente de Políticas dos Direitos das Pessoas com Deficiência, Dilma Pinheiro; o vereador por Marechal Deodoro, André Luiz; por Maceió, Silvio Camelo; o vice-reitor da Uninassau, Marcos Vinícius Gava; a presidente da Associação dos Amigos e Pais de Pessoas Especiais  (AAPE), Cleitiane Carvalho; dentre outros convidados.

Fonte: Agência Alagoas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *