Juizes deixam de pagar R$ 360 milhões em impostos/ano, com penduricalhos

Os auxílios moradia, saúde e alimentação- pagos aos magistrados brasileiros- não estão incluídos no pagamento do imposto de renda no Brasil. Significa que a…

Os auxílios moradia, saúde e alimentação- pagos aos magistrados brasileiros- não estão incluídos no pagamento do imposto de renda no Brasil.

Significa que a sonegação oficial atinge, por ano, em torno de R$ 360 milhões. Em média, cada juiz deveria repassar 19%, em impostos, para a receita federal. A isenção tributária custa R$ 30 milhões/mês.

Os magistrados brasileiros defendem o pagamento dos penduricalhos. Tratam como complemento dos salários.

As informações são do UOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *