João de Deus pode ser beneficiado por decreto de Bolsonaro que libera armas de fogo

O médium João de Deus está preso desde 16 de dezembro e alvo de denúncias de 600 mulheres que o acusam de estupro e…

O médium João de Deus está preso desde 16 de dezembro e alvo de denúncias de 600 mulheres que o acusam de estupro e abuso sexual. Mas, pode ser beneficiado com o decreto do presidente Jair Bolsonaro, que deve ser editado esta semana. Isso porque na casa dele foram apreendidos dois revólveres calibre 32, um calibre 38, uma pistola 380, com capacidade para 12 tiros, e uma garrucha calibre 22, que tinha a numeração raspada.

O decreto pode beneficiar pessoas a curto prazo indiciadas pela Polícia Civil pela posse de armas- condição que atinge João de Deus, também indiciado pela PC neste caso.

Informações da Agência Estado

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *