Por que o coronel Goulart também não foi punido pela Corregedoria da PM?

Três militares que abordaram o coronel Adroaldo Goulart, em 22 de novembro do ano passado, foram punidos com prisão por agirem “de maneira desproporcional…

Três militares que abordaram o coronel Adroaldo Goulart, em 22 de novembro do ano passado, foram punidos com prisão por agirem “de maneira desproporcional e sem o devido respeito a superior hierárquico durante uma ocorrência”.

O coronel “foi parado em uma blitz após ter sido flagrado realizando a troca de condutores em um veículo oficial à disposição da Polícia Militar de Alagoas, o qual estava sendo conduzido anteriormente por sua esposa, a Sra. Débora Soares de Omena Goulart”, diz o procedimento administrativo disciplinar publicado nesta sexta-feira, no Boletim Geral Ostensivo da PM, obtido em 1ª mão pelo Gazetaweb

As conclusões indicam excesso na atitude dos policiais.

Mas, por que o coronel Adroaldo não foi também punido por realizar a troca de condutores, ao dirigir um veículo oficial, troca esta flagrada pelos militares na abordagem?

Em vídeo que circula pelas redes sociais, o coronel diz ter passado mal. Por isso fez a troca de lugares.

No mesmo vídeo, um dos militares diz não ter pego a identificação, justificando a arma apontada por não reconhecer o documento.

Por que a versão do coronel foi mais verdadeira que a do PM?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *